Ataque em Nairobi: 6 mortos, 20 feridos. Para a polícia é terrorismo

0 34

Regressa a sombra do terrorismo no Quénia: na segunda-feira à noite a capital Nairobi foi alvo de várias explosões, sendo 6 as vítimas confirmadas, e 25 os feridos. Trata-se apenas do último de vários ataques sangrentos que a partir de Outubro de 2011 continuam a agitar o país. A polícia aponta o dedo, mais uma vez, contra os extremistas islâmicos da Al Shabaab.
Tudo aconteceu na área de Eastleigh, um bairro de Nairobi também conhecido como a Pequena Mogadíscio porque habitado principalmente por somalis. 3 bombas explodiram quase simultaneamente, por volta da hora do jantar, tendo atingido dois restaurantes e uma clínica que felizmente não estava muito superlotada. A polícia isolou a área e está fazendo todas as investigações do caso, mas por enquanto não se sabe nem a natureza das explosões e, portanto, o tipo de explosivo utilizado, e nem os autores do massacre. A modalidade da acção faz, contudo, cair as suspeitas nos extremistas islâmicos de Al Shabaab , um grupo ligado à Al Qaeda, e por isso o comandante das forças de ordem e segurança não hesitou em falar de um ataque terrorista. Apenas há uma semana atrás, as autoridades haviam previsto o reforço das medidas de segurança nas cidades principais, depois do ataque contra a igreja independente de Joy in Jesus (Alegria em Jesus), em Likoni, onde morreram alguns fiéis. Lembre-se que aos Shabab se atribui o massacre no Centro Comercial de Westgate, em Nairobi, em Setembro passado, em que perderam a vida 67 pessoas.

Fonte:  Rádio Vaticana

Tagged with:

Artigos Similares

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Seu comentário será publicado após aprovação! *Campos obrigatórios. *