maturidade espiritual

Buscando a maturidade espiritual

0 282

 
Durante algum tempo tenho me perguntado (e você pode e deve se perguntar também): ‘Como atingir a maturidade espiritual’? ‘O que devo fazer?’ Onde estou e onde quero chegar na busca dessa maturidade?’

Percebo que não existem respostas prontas, simples e fáceis para estas perguntas, porém, ao mesmo tempo, é possível trilhar um caminho, uma via que vai nos levando ao entendimento e compreensão dessas questões.

Entenda que a maturidade espiritual não é um ‘pódio’, uma colocação entre ganhadores e perdedores; não se pode definir e classificar quem é mais maduro espiritualmente do que o outro.
 
Todos, sem exceção, somos únicos, particulares aos olhos de Deus. O nosso caminho de santificação também é particular. Cada um de nós precisa passar por determinadas situações que vão nos ensinando e nos fortalecendo a cada dia, e isso é intransferível. Portanto, não há receita pronta para alcançar a almejada maturidade espiritual. Afinal, o ser humano, essa criatura bela e amada pelo Criador, não é composto somente de alma. É também dotado de corpo, afetos, sexualidade, inteligência, caráter que vão sendo ‘amadurecidos’ ao longo de sua vida. É por isso, que não há ponto de chegada; a vida toda estaremos em processo de maturidade em todos os sentidos, inclusive espiritualmente.
 
Diante disso, uma dica, talvez um segredo é descobrir que não se pode desistir nunca. Como nos diz a Palavra: ‘O que importa é prosseguir decididamente.’(Filipenses 3, 16).
 
Acredito que essa mesma Palavra, inspirou uma música que diz:
Eu vou e quem me impedirá
Se ao meu lado está o Autor da minha fé?
Eu vou! A força Ele me dá, coragem pra enfrentar o que vier
Eu vou e crendo levarei a salvação aos meus, à minha família
E já não importa o grau a que eu cheguei
Eu vou seguir decididamente o Amado Rei
 
Agora, iluminados ainda pela Palavra em Filipenses, podemos então ler: ‘Estou plenamente certo de que aquele que começou boa obra em vós há de completá-la até ao dia de Cristo Jesus’ (Filipenses 1, 6).
 
Amados e amadas, esse é o ponto: não estamos prontos e o que importa é prosseguir decididamente, sem desistir jamais.
E lembre-se: em cada situação cotidiana, peça a Luz Divina e deixe-se sempre guiar pela Palavra de Deus, fonte de Sabedoria e Felicidade!
 

 

Abraços fraternos
Luciene de Oliveira Ribeiro
Com. Mariana Resgate

Artigos Similares

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Seu comentário será publicado após aprovação! *Campos obrigatórios. *