Igreja terá seis novos santos no dia 23 de novembro

0 151

No Consistório Ordinário desta quinta-feira, no Vaticano, foram aprovadas as canonizações de seis beatos

Da redação, com news.va

O Papa Francisco realizou na manhã desta quinta-feira, 12, o Consistório ordinário público para o voto sobre a causa de canonização de seis beatos.

Com o voto favorável dos cardeais, a data estabelecida para a canonização foi o dia 23 de novembro de 2014, Solenidade de Cristo Rei do Universo.

Os seis beatos que serão declarados santos são:
– Giovanni Antonio Farina, bispo de Vicenza, fundador das Irmãs Mestras de Santa Doroteia Filhas dos Sagrados Corações;
– Kuriakose Elias Chavara da Sagrada Família, sacerdote, fundador da Congregação dos Carmelitas de Maria Imaculada;
– Ludovico de Casória, sacerdote professo da Ordem dos Frades Menores, fundador da Congregação das Irmãs Franciscanas Isabelinas, chamadas “Bigie”;
– Nicola de Longobardi, oblato professo da Ordem dos Mínimos;
– Eufrasia Eluvathingal do sagrado Coração, da Congregação das Irmãs da Mãe do Carmelo;
– Amato Ronconi, da Terceira Ordem de São Francisco, fundador do Hospital dos Pobres Peregrinos em Saludecio, atualmente “Casa de Repouso Obra Pia Beato Amato Ronconi”.

Novo protodiácono

Durante o Consistório, o cardeal Jean-Louis Tauran, protodiácono de Santo Apolinário nas Termas Neronianas-Alexandrinas, passou para a ordem dos presbíteros. O Papa Francisco concedeu que ele mantenha a diaconia elevada pro hac vice a título presbiteral.

Também os cardeais Julián Herranz, diácono de Santo Eugénio, Javier Lozano Barragán, diácono de São Miguel Arcanjo, Attilio Nicora, diácono de São Filipe Neri em Eurosia, Georges Marie Martin Cottier, diácono dos Santos Domingos e Sisto, pediram para ser transferidos para a ordem presbiteral.

O arcebispo Ilson de Jesus Montanari, secretário da Congregação para os Bispos e secretário do Colégio Cardinalício, apresentou ao Papa idêntica solicitação em nome do cardeal ausente Francesco Marchisano, diácono de Santa Lúcia do Gonfalone.

O Papa Francisco concedeu que os cardeais Herranz, Nicora, Cottier e Marchisano mantenham as respectivas diaconias elevadas pro hac vice a título presbiteral, e atribuiu ao cardeal Lozano Barragán o novo título presbiteral de Santa Doroteia.

Enfim, o Papa confirmou o cardeal Renato Raffaele Martino, da diaconia de São Francisco de Paula nos Montes, no cargo de protodiácono, deixada livre pela opção do cardeal Tauran.

Fonte: Notícias Canção Nova

Tagged with: ,

Artigos Similares

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Seu comentário será publicado após aprovação! *Campos obrigatórios. *