JMJ: A Igreja que é Jovem

0 40

Aconteceu nesses últimos dias (do dia 25 de julho ao dia 31 de julho) na cidade de Cracóvia-Polônia, a JMJ – Jornada Mundial da Juventude – ,onde milhares de jovens se reúnem em Cristo Jesus juntamente com o papa para professar a fé e declarar aos quatro cantos do mundo que a Igreja é jovem e viva.

A JMJ tem toda uma espiritualidade de fazer acontecer um encontro pessoal entre a pessoa humana e Jesus com momentos tradicionais que a Igreja vive, como a via-sacra, a adoração ao SS. Sacramento e a Santa Missa. O papa recorda que os jovens se encontram na JMJ para encontrar Jesus:

“Jesus não se limita a pregar ou a saudar alguém, mas atravessa a cidade. Em outras palavras, Jesus quer se aproximar da vida de cada um, percorrer o nosso caminho até ao fim, para que a sua vida e a nossa se encontrem concretamente.”

Além disso a JMJ proporciona aos jovens, idosos, leigos e religiosos viverem um ato de amor profundo ao se encontrarem e vivenciarem momentos tão lindos e profundos em comunhão com Cristo e a Igreja. A JMJ diz que a igreja é jovem e está repleta de amor, amor que vem de Deus, e promove a paz e a união de coração. A JMJ traz luz ao mundo, traz brilho aos jovens e esperança para a humanidade.

Artigos Similares

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Seu comentário será publicado após aprovação! *Campos obrigatórios. *